VÍDEO: Incêndio consome mais de 5km de vegetação em comunidade do Tapará, zona rural de Santarém


Focos do incêndio estão se alastrando devido a ação dos ventos em direção à PA-255. Incêndio consome mais de 5km de vegetação em Boa Vista do Tapará
Um incêndio de grandes proporções preocupa moradores da comunidade Boa Vista do Tapará, região de várzea, do município de Santarém. Os primeiros focos de fogo foram registrados na madrugada de segunda (20). Moradores da comunidade se mobilizaram e fizeram aceiro, conseguindo controlar o incêndio. Mas na terça (21), as chamas atingiram grandes proporções devido à ação do vento, e de acordo com o morador Jeferson Silveira, o incêndio já consumiu mais de 5km de vegetação.
Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram
Ainda de acordo com relatos de moradores, as chamas estão se alastrando em direção à PA-255, rodovia que liga Santarém ao município de Monte Alegre.
No local não há posto do Corpo de Bombeiros, mas o 4º Grupamento de Bombeiros Militar sediado em Santarém já foi acionado pelos comunitários, que foram informados que uma equipe está em deslocamento de lancha para a comunidade.
Há receio dos comunitários de que o incêndio chegue próximo às residências. Eles fazem aceiros na tentativa de conter o avanço das chamas.
Na comunidade Costa do Tapará, incêndio destruiu plantações
Jeferson Silveira / Arquivo pessoal
Outra comunidade afetada por focos de incêndio é Costa do Tapará. No domingo, áreas de produção de hortaliças, banana e melancia foram atingidas pelo fogo, comprometendo a produção de 250 famílias de agricultores familiares da comunidade.
Em Costa do Tapará, ainda há focos de incêndio, mas em menor proporção que na comunidade Boa Vista do Tapará, de acordo com informações de moradores.
📱 NOTÍCIAS: Faça parte do canal g1 Santarém e Região no WhatsApp
A região do Tapará é uma das mais afetadas pela estiagem severa que assola a região amazônica. Lagos e canais secaram, e a escassez de chuvas tem contribuído para ocorrência de incêndios em áreas de vegetação.
*Colaborou Adriana Marinho, produtora de jornalismo da Tv Tapajós
VÍDEOS: Mais vistos do g1 Santarém e Região
Adicionar aos favoritos o Link permanente.