Moradores de Niterói e de São Gonçalo, no Rio de Janeiro, estão há três dias sem luz

Segundo a prefeitura de Niterói, 30 mil moradias foram atingidas por cortes de energia desde sábado (18). Em São Gonçalo, foram 64 mil domicílios e, nesta terça (21), ainda 16 escolas e 19 postos de saúde não estão funcionando. Moradores de Niterói e São Gonçalo estão sem luz desde sábado à noite
Moradores da região metropolitana do Rio estão há três dias sem luz depois de um temporal.
Não é só sobre a escuridão. Para o marido da psicóloga Cleide Santas, a energia elétrica é questão de vida.
“Ele tem diabetes e ele toma insulina. Precisa estar tudo na caixinha de isopor na geladeira”, lamenta ela.
É também sobre prejuízo.
“Aproximadamente, 200kg de carne que eu perdi”, conta um homem.
E na central de abastecimento de Niterói a maioria das lojas está fechada. A chuva forte de sábado (18) em Niterói e São Gonçalo deixou vários bairros das duas cidades da região metropolitana do Rio sem luz.
Em Niterói, 31 mil casas ficaram às escuras. Os moradores cobraram nas ruas uma solução da Enel, concessionária de energia elétrica que atende 66 municípios do estadojjjjjjjjjjjj.
“Eu liguei ontem para a Enel. Eles ligaram, falaram que estavam vindo e até agora eles não vieram”, reclama a auxiliar de serviços gerais Caroline Santos.
No fim da tarde, a Enel pediu desculpas pela demora e disse que 900 equipes estão trabalhando até que todos os clientes sejam atendidos.
“Os focos de ventos geraram danos muito críticos na rede, sendo necessário a reconstrução de muitos trechos. Os defeitos de agora são os defeitos mais complexos. E muitas das vezes eles levam um tempo maior de correção”, diz José Januário de Oliveira, diretor de Análise de Redes da Enel.
Em São Gonçalo, além das 64 mil casas afetadas, a falta de luz prejudicou o atendimento também em 19 postos de saúde e em 16 escolas, que estão fechadas por falta de energia elétrica. Em todo o município são quase 5 mil alunos sem aulas.
“Não é possível que eles não estejam conseguindo, indo por bairro a bairro, restabelecer. Já tem muito tempo do temporal”, afirma um morador.
LEIA TAMBÉM:
Quase 100 mil famílias de Niterói e de São Gonçalo ainda estão sem luz mesmo após prazo dado pela Justiça
Moradores protestam contra falta de energia em São Gonçalo e Niterói
Adicionar aos favoritos o Link permanente.