Moradora da Maré acusa policiais de invadir sua casa e roubar coleção de moedas

Roseane da Silva Vieira, moradora da Vila do João, acusa policiais de roubarem coleção de moedas avaliadas em 60 mil reais. Moradora do Complexo da Maré denuncia invasão domiciliar durante operação
A enfermeira Roseane da Silva Vieira afirma que policiais que atuavam numa operação no Complexo da Maré nesta terça-feira (21) roubaram uma coleção de moedas, avaliadas em R$ 60 mil reais da casa onde vive.
A moradora da comunidade Vila do João conta que saiu cedo de casa para levar a filha de 4 anos na creche. Na volta, além de encontrar o imóvel revirado, descobriu que quase toda coleção de moedas tinha sido levado. Uma coleção que já durava 12 anos.
Em um vídeo, onde é possível ver o imóvel revirado, ela narra a dor de ter sido roubada por quem deveria dar proteção:
“Olha, roubaram as minhas moedas que coleciono desde os 12 anos. Roubaram minha coleção de moedas pretas, meus saches de moedas. Aqui a bagunça que fizeram. Tinha muito moeda de um real, da Beija-flor, da bandeira, dos direitos humanos. Roubaram minhas moedas de prata, tá tudo vazio. Só deixaram essa”, lamentou.
A enfermeira, que trabalha em dois empregos, conta que a coleção acabou se transformando num projeto de vida: o sonho dela era usar esse dinheiro para pagar a faculdade da filha.
Durante a manhã, a Polícia Militar fez uma operação em cinco comunidades do Complexo da Maré, entre elas a Vila do João. A corregedoria da Polícia Militar enviou uma equipe para apurar a denúncia. Roseane prestou depoimento na tarde desta terça-feira. As polícias civil e militar ainda apuram o caso.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.