Menino que comeu lagartixa frita recebe alta de hospital após apresentar melhora, diz mãe


Criança passou por três internações seguidas após ingerir o animal. Segundo a mãe, o menino perdeu 3kg desde então. Menino de 11 anos fica em estado grave após comer lagartixa, em Formosa, Goiás
Arquivo pessoal/Raquel de Souza
O menino que passou mal depois de comer lagartixa frita recebeu alta médica nesta sexta-feira (24) após apresentar melhora, em Formosa, no Entorno do DF. A informação foi confirmada ao g1 por Raquel Souza, mãe da criança.
Compartilhe no WhatsApp
Compartilhe no Telegram
Segundo a mãe, o menino recebeu alta por volta de 11h. A criança foi internada pela terceira vez na última quarta-feira (22) após passar mal e apresentar perda de peso, fraqueza e dores de cabeça.
LEIA TAMBÉM:
Menino que comeu lagartixa frita passa mal de novo, volta a ser internado e já perdeu 3kg, diz mãe
Menino que passou mal após comer lagartixas: animais foram temperados e fritos por mãe de madrasta após criança demonstrar curiosidade pelo consumo, diz polícia
Criança passa mal após comer lagartixa frita oferecida pela madrasta, diz polícia
Menino que comeu lagartixa em Formosa
Raquel de Souza/Arquivo Pessoal
Segundo Raquel, o menino chegou a perder 3kg desde que, segundo ela, comeu lagartixa frita junto com a madrasta e a mãe dela.
“Já faz três dias que ele não come direito. Na terça, ele passou mal, levei ele para a UPA e ele foi liberado. Na quarta, teria que voltar para uma nova consulta, e o médico achou melhor deixá-lo internado”, disse a mãe sobre a terceira internação.
A reportagem tentou contato com a unidade de saúde em que o menino está internado, mas foi informada que não pode divulgar informações sobre o paciente por se tratar de um menor. O g1 entrou em contato com a madrasta e a mãe dela na última terça-feira (22), mas não teve retorno até a última atualização desta reportagem.
O caso aconteceu no dia 6 de novembro. O menino havia passado o final de semana na casa do pai e, quando o homem foi trabalhar na segunda-feira, ele ficou com a madrasta e a mãe dela. Enquanto brincava, ele quase matou uma lagartixa.
“A atual sogra do pai era uma pessoa muito simples, parece que já passou fome no passado e comentou com a criança que antigamente as pessoas comiam aquilo, porque passavam necessidade”, explicou o delegado Paulo Henrique Santos.
Em depoimento, a mãe da madrasta disse que o menino ficou curioso com a história e demonstrou interesse em também comer o animal. Ela, então, disse que, se ele conseguisse caçar mais lagartixas, ela iria preparar.
De acordo com a polícia, a criança aceitou o desafio e caçou cerca de quatro lagartixas. Com isso, a mãe da madrasta afirma ter limpado, temperado, frito e servido os animais para o menino comer. O caso segue em investigação.
Série de internações
O menino foi internado um dia após comer a lagartixa, com infecção, e ficou três dias no hospital. Na última segunda-feira (20), a mãe do garoto disse que ele estava passando mal novamente e foi levado novamente para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA).
“A flora intestinal dele está toda bagunçada devido ao tanto de bactéria que tem no corpo dele. Foi isso que o médico explicou”, disse.
O menino foi liberado à noite. Na quarta-feira (22), ele teve de ser internado novamente.
“Desde que comeu a lagartixa, todos os dias ele sente algo, dor de cabeça, vômito, diarreia, fraqueza, febre, falta de apetite”, contou a mãe.
Segundo Raquel, o filho está com dificuldade em se alimentar, comendo basicamente apenas frutas e tomando água de coco. Ela ainda contou que, antes, ele tinha 45kg e, após passar mal, passou a pesar 42kg.
Menino que comeu lagartixa frita passa mal novamente
📱 Veja outras notícias da região no g1 Goiás.
📱 Participe dos canais do g1 Goiás no WhatsApp e no Telegram.
VÍDEOS: últimas notícias de Goiás
Adicionar aos favoritos o Link permanente.