Governador da BA sanciona lei que veda contratação de condenados por racismo em cargos públicos


Lei foi assinada durante evento na Concha Acústica do Teatro Castro Alves (TCA). Assinatura da lei foi feita na terça-feira (21), na Concha Acústica do TCA, em Salvador
Fernando Vivas/GOVBA
O governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues, sancionou a lei que veda a nomeação para cargos públicos de pessoas que tenham sido condenadas por crimes de racismo na Bahia.
📱 NOTÍCIAS: Faça parte do canal do g1 Bahia no WhatsApp
A lei foi assinada na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, durante o evento em celebração ao Novembro Negro, na terça-feira (21).
O projeto de lei foi feito pela deputada estadual Fabíola Mansur e foi aprovado, de forma unânime, pela Assembleia Legislativa (Alba), durante o mês de agosto.
LEIA TAMBÉM:
Ex-funcionária de loja na BA denuncia gerente por racismo após ser chamada de ‘negra cor de disco’
Mulher é vítima de racismo em Salvador e filma ofensas ditas pela suspeita: ‘odeio preto, não suporto’
Segundo o governador, a lei contribui com a construção de políticas antirracistas dentro das instituições.
“Todos aqueles que praticam qualquer ato racista, precisam entender que o Estado está alerta a isso. Não vamos deixar que essas pessoas tenham a oportunidade de praticar o racismo institucional em cargos de Governo”.
Veja mais notícias do estado no g1 Bahia.
Assista aos vídeos do g1 e TV Bahia 💻
Adicionar aos favoritos o Link permanente.