Gepac e Gepai lançam campanha para destinar Imposto de Renda a entidades que atendem crianças e idosos em Presidente Prudente


Meta para 2024 é arrecadar R$ 5,5 milhões para os projetos assistidos. Gepac e Gepai lançam campanha para destinar Imposto de Renda a entidades, em Presidente Prudente (SP)
Rodolfo Viana
Nesta sexta-feira (24), foi lançada em Presidente Prudente (SP) a Campanha de Mobilização e Incentivo a Destinação do Imposto de Renda para projetos que atendem crianças e adolescentes e também idosos, no Centro Cultural Matarazzo.
Estão envolvidos no projeto a Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS), o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CDMCA), o Grupo de Empresários e Profissionais Amigos da Criança (Gepac) e do Grupo de Empresários e Profissionais Amigos do Idoso (Gepai).
No evento, foi apresentado o balanço das últimas arrecadações, pelo delegado-adjunto Marcus Vinícius Pereira de Lacerda, que mostrou que, na cidade, foram explorados 10% da destinação do Imposto de Renda, enquanto o país, em sua totalidade, explora apenas 2,5%.
Ainda de acordo com Lacerda, a região de Presidente Prudente, mesmo sendo uma das áreas mais prejudicadas economicamente do Estado, é um exemplo de arrecadação e tem potencial para arrecadar até R$ 18,5 milhões, com 75% a 80% da base a serem explorados, conforme a projeção da Receita Federal.
A presidente do CMDCA, Fabiana Sales Macedo, comentou que a meta para 2024 é arrecadar R$ 4 milhões com o Gepac e mais R$ 1,5 milhão com o Gepai.
Em Presidente Prudente, o Gepac beneficia 30 projetos de 14 entidades, que assistem cerca de 2.400 crianças e adolescentes. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, juntamente com o Juizado e o Ministério Público da Infância e Juventude e os membros do Gepac, analisam a quantidade de crianças e o grau de complexidade do atendimento, para que o rateio dos recursos seja feito proporcionalmente.
As instituições atendidas são:
Associação Prudentina de Incentivo à Vida;
Associação Bethel – Projeto Mão Amiga;
Associação de Desenvolvimento das Crianças Limitadas “ Lumen Et Fides”;
Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae);
Associação de Apoio do Fissurado Lábio Palatal e Deficiente Auditivo (Afipp);
Associação Filantrópica de Proteção aos Cegos;
Creche Educacional Infantil Walter Figueiredo;
Casa da Sopa São Francisco de Assis;
Sociedade Civil Beneficente Lar Santa Filomena;
Casa do Aprendiz Cidadão;
Sociedade Civil Lar dos Meninos;
Núcleo Tthere Trabalho e Realização;
Serviço de Obras Sociais – SOS Criança;
Casa da Criança; e
Centro Social São José.
Já o Gepai, campanha realizada pela primeira vez em 2023, atende dez projetos, que contemplam diversos segmentos, como assistência, cultura e arte, tecnologia e atividade física, por exemplo.
Segundo Danilo Bairradas, presidente do Conselho Municipal do Idoso, os projetos serão renovados e um novo edital já foi publicado para inscrição de outras ações que beneficiarão mais idosos e entidades.
Há seis entidades voltadas à saúde do idoso:
Associação Filantrópica de Proteção aos Cegos;
Associação de Peregrinação do Rosário;
Vila da Fraternidade;
Lar São Rafael;
Centro Social Santa Rita de Cássia;
Centro de Referencia do Idoso; e
Coordenadoria da Pessoa Idosa.
Como contribuir
Parte do Imposto de Renda pode ser destinado ao Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Presidente Prudente (FMDCA) e ao Fundo Municipal do Idoso (FMI), tanto por pessoas físicas quanto por pessoas jurídicas.
Para pessoa física, que declara no modelo completo, é possível destinar até 6% do imposto devido. Para pessoa jurídica, tributada no Lucro Real, é permitido destinar 1% do Imposto devido. Basta emitir boleto com o valor clicando no banner no site do Gepac, na aba ‘Faça a Sua Doação’. A doação deverá ser efetuada até o último dia do ano, que tenha expediente bancário.
O gesto não acarreta nenhum ônus ao doador, uma vez que se refere à parte do valor do IR destinado à Receita Federal.
VÍDEOS: Tudo sobre a região de Presidente Prudente
Veja mais notícias em g1 Presidente Prudente e Região.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.