Cabeleireiro é preso suspeito de extorquir dinheiro de parceiros sexuais para não divulgar nudes; ouça áudios


Mensagens divulgadas pela Polícia Civil mostram as ameaças dele que pedia quantias variadas entre R$ 200 e R$ 1 mil. Prints mostram que ele também pedia relações sexuais com as vítimas. Autônomo é preso suspeito de extorquir dinheiro de parceiros sexuais para não divulgar nud
Um cabeleireiro de 30 anos foi preso suspeito de extorquir parceiros sexuais para não divulgar nudes, em Caiapônia na região oeste de Goiás. Áudios divulgados pela Polícia Civil mostram as ameaças dele que pedia quantias variadas entre R$ 200 e R$ 1 mil.
“Não estou de brincadeira não. Não sou otário. Se vocês virem o que eu tenho aqui, vocês vão tremer e vai parar Caiapônia”, diz o suspeito em um dos áudios.
O nome do suspeito não foi divulgado, por isso, o g1 não conseguiu contato com a defesa dele até a última atualização desta reportagem. À polícia, ele ficou em silêncio.
A prisão aconteceu na última segunda-feira (20) na casa dele. Segundo a Polícia Civil, ele filmava o ato sexual com os homens e salvava nudes que recebia das vítimas. Depois, com posse das imagens, ele exigia dinheiro para não divulgá-las.
LEIA TAMBÉM
Professora denuncia por extorsão pai de santo suspeito de infectar estudante com HIV
Jovem é suspeito de extorquir R$ 7 mil e exigir vídeos pornográficos de mulher para não divulgar nudes dela
Diarista é presa por extorquir cerca de R$ 90 mil de idoso sob ameaça de divulgar vídeos íntimos dele, diz PM
Por enquanto, dois homens realizaram diversos pagamentos e só procuraram a delegacia após não ter mais dinheiro para repassar ao investigado. Prints também divulgados pela polícia mostram que além de pedir dinheiro ele também pedia relações sexuais com as vítimas.
Se indiciado e condenado, ele pode responder pelo crime de extorsão. De acordo com as investigações, o autônomo exigia dinheiro para não divulgar fotos e vídeos pornográficos para a família das vítimas.
Ele está preso na Unidade Prisional de Caiapônia à disposição da Justiça. A foto do suspeito foi divulgada caso haja mais vítimas.
Cabeleireiro é preso suspeito de extorquir dinheiro de parceiros sexuais para não divulgar nudes, em Caiapônia
Divulgação/Polícia Civil
📱 Veja outras notícias da região no g1 Goiás.
📱 Participe dos canais do g1 Goiás no WhatsApp e no Telegram.
VÍDEOS: últimas notícias de Goiás
Adicionar aos favoritos o Link permanente.